Escolha uma Página

RELEASE

Ciências de Dados e Inteligência Artificial e suas variadas aplicações em debate no CDIA.Rio

As principais tendências tecnológicas e casos de uso reais de Ciência de Dados (CD) e Inteligência Artificial (IA) como vantagem competitiva, assim como as oportunidades de interação e compartilhamento de conhecimentos, serão apresentadas no seminário CDIA.Rio na tarde do dia 25 de setembro, durante o Rio Info 2018.  No Rio de Janeiro uma rede, a CDIA.Rio, iniciativa da Riosoft, conta com a participação de empresas e grupos de pesquisa que trabalham com estas tecnologias e somam quase 50 membros natos. O coordenador do painel, John Lemos Forman, diretor da entidade, apresentará um visão geral da rede.

A formação de talentos na área será abordada em três apresentações. Hélio Lopes – LES/PUC-Rio dirá porque num mercado no qual o número de oportunidades cresce, é fundamental desmistificar seu funcionamento e conhecer mais as técnicas que geram resultados e como começar essa jornada. 

Newton Meyer Fleury – MST vai discutir o perfil e os requisitos de formação dos profissionais, a partir da análise das demandas de emprego colocadas nas redes sociais e em artigos especializados publicados. A premissa é de que o cientista de dados se enquadra na categoria de profissional híbrido, ou seja, aquele que congrega áreas de expertises diversas para o desempenho das suas funções. 

Camila Marques da Silva, e Ronnie Paskin do Instituto de Tecnologia ORT, sob moderação do João Carlos D. Freire Ribeiro – Neopath, debaterão sobre o cientista de dados do futuro e apresentarão os resultados de um trabalho desenvolvido  pelo ORT focado em atuação inovadora, criativa e participativa na formação dos Citizen Data Scientists do futuro. O ORT é uma escola de base tecnológica que busca, a partir do sexto ano do ensino fundamental e no ensino médio profissionalizante, preparar os estudantes para o futuro.

Já o bloco dedicado à ciência de dados no comércio e serviços terá Claudia Bozza – Zoom, que apresentará a construção dos processos para desenvolver o Zoom com base em dados e a descoberta de oportunidades de negócios com a união de análises quantitativas e qualitativas. Márcio Ferreira, diretor de Inovação da Lab245 Software apresentará a implementação da 3ª geração de um sistema de gestão de pedidos com o apoio da inteligência artificial, durante a palestra  Gestão de pedidos no varejo: Sistemas inteligentes em Supply chain.

Estará em evidência a complexidade e volatilidade dos processos no cálculo de estoques e pedidos, o que sempre foi um desafio para os gestores. Serão apresentados os novos algoritmos e robôs vigilantes que proporcionam reatividade e precisão na gestão de pedidos, liberando profissionais caros para a análise e planejamento.

A transformação digital e o papel de Data Science no banco Bocom BBM, que faz parte do movimento do mercado financeiro em direção à transformação digital está na pauta de Luiz Évora – Banco Bocom BBM. A apresentação mostrará como Data Science tem colaborado em um ambiente desafiador que envolve busca por inovação, segurança, novas tecnologias e sistemas legados. 

Luiz Claudio Teixeira de Souza – Servicelevel/Opusquale falará sobre como a  Inteligência Artificial aplicada à Central de Serviços Compartilhados (CSC) busca padronizar e otimizar processos de negócio, com objetivo de reduzir custos e o aumentar a produtividade e qualidade.  Serão mostrados exemplos práticos de implementações em CSCs com utilização de conceitos e ferramentas, viabilizando execução de processos e atendimentos até sem intervenção humana. Alberto Dávilla, da Fiocruz mediará um debate com os palestrantes deste bloco. 

Outro bloco de painéis debaterá a ciência de dados no Ministério Público do Rio de Janeiro, que tem criado diversas iniciativas apoiadas nessa tecnologia para trabalhar com grandes volumes de informações com maior proatividade e melhores entregas de resultados para sociedade. O promotor de Justiça e coordenador de análise, diagnóstico e geoprocessamento do MPRJ, Pedro Mourão, apresentará uma visão geral das ações. Já Rhenan Bartels / Felipe Ferreira falarão sobre machine learning e heurísticas aplicadas à jurimetria  Os bancos de dados orientados a grafos para análise de vínculos serão o tema de Daniel Belchior / Henrique Andrade, com mediação de Fabio Porto, do LNCC.

A plataforma de ciência de dados aplicada à saúde será o tema das apresentações de Marcel Pedroso e Jefferson Lima – do Icict/Fiocruz. Já Fernando Ferreira, da Twist falará sobre a qualidade de dados para Indústria 4.0 usando modelos de Machine Learning. Sérgio Manuel Serra da Cruz , da UFRRJ, falará sobre ciência de dados em segurança de solos. Diego Carvalho – Cefet-RJ moderará os debates.

Maria Luiza Reis , do Lab245 moderará o bloco de painéis sobre técnicas e ferramentas de ciência de dados, que inclui um painel sobre  como interagir com milhares de sistemas na empresa e dispositivos da IoT, apresentado por Gabriel Bastos – Thrust; reconhecimento de emoções e suas aplicações, com Leopoldo Lusquino Filho – Lasi-Pesc/Coppe/UFRJ – LabZero/NCE/UFRJ;  Identificação de páginas maliciosas (phishing) com inteligência artificial, Emilio Simoni – PSafe e ciência de dados na prática, com transparência e produtividade, John Lemos Forman – J.Forman Consultoria.

FALE CONOSCO

Rio Info 2017 - 15 anos consecutivos de sucesso.

Pin It on Pinterest

Share This