Escolha uma Página

REGULAMENTO

1. Objetivos
A Copa Rio Info de Algoritmos – CRIA é uma iniciativa do TI Rio e Fanainfo apoiada por diversas instituições e empresas e que tem por objetivos:
1.1 – Estimular o interesse pelas Tecnologias da Informação & Comunicação – TIC;
1.2 – Promover a introdução da disciplina Algoritmos nas escolas de Ensino Médio que não incluem a matéria em seus currículos;
1.3 – Proporcionar novos desafios aos estudantes, incentivar a competição saudável e criativa;
1.4 – Identificar novos talentos e vocações em TIC, promover o contato destes com empresas do setor, e os estimular a considerar uma carreira profissional nesta área.
1.5 – Reconhecer as melhores escolar de ensino médio/técnico que hoje já formam os futuros profissionais de TIC no Brasil.

2. Desafio 
2.1 – A CRIA será realizada em duas etapas, uma primeira classificatória, não havendo limite para o número de participantes inscritos, e uma segunda etapa com apenas os 3 (três) melhores classificados da primeira etapa. Em cada etapa será proposta uma prova com diversas questões que deverão ser solucionadas através da elaboração de algoritmo escrito em pseudocódigo no padrão utilizado pelo Portugol Studio (http://lite.acad.univali.br/portugol/). A correção das provas será feita através da ferramenta Run.Codes (http://we.run.codes/), que estará disponível em site específico para realização da competição.
2.2 – A primeira etapa será no dia 11 de agosto de 2017, com cada uma das escolas inscritas se responsabilizando por oferecer os recursos computacionais necessários para desenvolver a solução para as questões propostas, submetendo esta solução pela internet dentro dos prazos estipulados. Se estes recursos forem menores do que a quantidade total de alunos inscritos pela escola, será responsabilidade desta deixar claro quais serão os critérios por ela adotados para definir os alunos que terão prioridade no acesso a estes recursos no dia da primeira etapa. As questões que deverão ser resolvidas por cada aluno inscrito serão publicadas na internet em https://run.codes/cria a partir das 9h no horário de Brasília.
2.3 – A etapa final será realizada na cidade do Rio de Janeiro, durante o Rio Info, no dia 27 de setembro com início da prova previsto para as 9h no horário de Brasília.
2.4 – Após a análise e correção das provas serão publicados aqui neste site os as escolas/alunos classificados para a etapa final, bem como o desempenho destes mesmos alunos na etapa final.
2.5 – A organização da CRIA irá custear as despesas do translado de ida-e-volta para a cidade do Rio de Janeiro, bem como hospedagem entre os dias 26 e 27 de setembro, para o professor e o aluno que ficarem entre os 3 (três) melhores desempenhos, de diferentes escolas, na primeira etapa.
2.6 – Poderão participar da CRIA apenas os estudantes que estiverem regularmente matriculados em suas escolas, cursando o ensino médio no ano letivo de 2017, com idade limite de até 21 anos. A participação dos alunos na CRIA é individual, representando a escola na qual esta matriculado.
2.7 – Só estão habilitadas para participar da CRIA as escolas, sejam elas escolas técnicas ou regulares, que incluam em seus currículos uma disciplina que ensine algoritmos computacionais ou programação de computadores.

3. Inscrições
3.1 – As inscrições deverão ser feitas pelo(s) professor(es) responsável(is) de cada escola até o dia 30 de julho, inicialmente na página da CRIA (www.rioinfo.com.br/cria). O processo de inscrição só se completa com o envio de formulários específicos encaminhados para aqueles que começam o processo de inscrição. Depois que tais formulários sejam preenchidos e assinados, eles devem ser digitalizados e encaminhados por email para a organização da CRIA.
3.2 – Não existe limite para a quantidade de alunos que cada escola poderá inscrever para participar da primeira prova. Mesmo quando houver uma limitação de recursos computacionais que acabe determinando um número máximo de alunos que poderão ter acesso aos mesmos no dia da etapa classificatória, ainda assim a escola pode querer inscrever um número maior de alunos e estabelecer critérios próprios para determinar quais terão prioridade de acesso no dia da competição.
3.3 – A escola pode ter mais de um professor inscrito, cada um deles se responsabilizando por um grupo diferente de alunos. Não é preciso fazer a inscrição toda de uma única vez, sendo aceito receber formulários sucessivos de uma mesma escola/professor, cada um deles com novos alunos.
3.4 – Serão consideradas inscritas apenas as escolas que completarem o processo de inscrição, quando o nome destas será publicada no site da CRIA, na página COLÉGIOS. Além disto, o(s) professor(es) e seu(s) respectivo(s) aluno(s) receberão por email um número único de inscrição que deve ser usado para criar um usuário e senha no site https://run.codes/cria.
3.5 – É recomendável que tanto professores como alunos acessem o site indicado tão logo recebam seu código de inscrição. Isto permitirá que vão se familiarizando com o ambiente onde serão realizadas as provas. Desde o primeiro momento já estarão disponíveis no site alguns exercícios para que os alunos possam conhecer o processo de leitura das questões propostas e mecanismos para submeter suas soluções. Até a data da etapa classificatória novos conjuntos de exercícios serão periodicamente disponibilizados, para que todos os alunos inscritos possam ir praticando seus conhecimentos.
3.6 – Ao realizar a inscrição de um ou mais alunos a escola concorda e garante que caso um deles esteja entre os 3 (três) com melhor desempenho durante a etapa inicial, irá liberar tanto o aluno como o professor por ele responsável (conforme a ficha de inscrição) para participar da etapa final da CRIA na cidade do Rio de Janeiro.

4. Provas
4.1 – A prova da primeira etapa será realizada no dia 11 de agosto de 2017, sendo a mesma publicada em https://run.codes/cria desde as 9h da manhã no horário de Brasília. A prova é composta por diversas questões que deverão ser resolvidas através da elaboração de algoritmos compatíveis com o Portugol Studio.
4.2 – Para tomar conhecimento da prova é indispensável ter acesso a internet e se conectar no site indicado em 4.1. Uma vez conhecido o conteúdo da prova, não é preciso permanecer conectado a internet, bastando ao aluno ter acesso a um computador que tenha instalado o Portugol Studio ou um simples editor de textos. Assim, a escola pode inclusive providenciar a impressão do enunciado da prova e distribuir entre seus alunos se assim desejar. Recomendamos, contudo, que o ambiente onde os alunos estejam resolvendo a prova seja monitorado por um responsável, que deverá zelar para manter um ambiente apropriado, sem distrações ou auxilio externo e sem consulta a fontes de conhecimento tais como livros, apostilas ou até mesmo outros alunos ou professores.
4.3 – Para submeter as soluções desenvolvidas o aluno precisará novamente se conectar ao site indicado em 4.1 e submeter os arquivos individuais com as soluções para cada uma das questões propostas. As questões poderão ser submetidas até as 12h (no horário de Brasília) do dia 11 de agosto de 2017. Deste momento em diante o site não mais permitirá que nenhum novo arquivo seja submetido, dando por encerrada a etapa classificatória da CRIA 2017. A organização da CRIA terá um supervisor que estará disponível para esclarecer eventuais dúvidas operacionais por e-mail ou telefone durante todo o período de realização da prova. Sobre o conteúdo da prova, nenhum esclarecimento adicional será fornecido. A interpretação e entendimento de seu conteúdo faz parte da prova.
4.4 – Recomenda-se que o competidor chegue ao local da prova pelo menos 30 minutos antes do seu início. Assim, poderá ter certeza de que os recursos computacionais estarão funcionando a contento e já estar conectado ao site indicado em 4.1 para conhecer o enunciado da prova tão logo ele seja disponibilizado. À critério da escola, alunos que se atrasarem poderão ou não participar da etapa classificatória, sabendo que terão um tempo menor para resolver a prova já que o prazo final para submeter suas respostas não será prorrogado. Se por ventura houver qualquer problema com o provimento de acesso à internet, seja a origem do mesmo derivada de problemas com equipamentos da escola, do provedor de acesso ou até mesmo da infraestrutura de telecomunicações na localidade onde se encontra a escola, nenhum deles dará a escola ou aos seus alunos o direito de receber um prazo maior ou novo para resolver as questões ou submeter os respectivos resultados. Esperamos que nenhuma escola inscrita tenha problemas desta natureza mas se eles acontecerem serão considerados “problemas de força maior”, inviabilizando em parte ou totalmente a participação dos seus respectivos alunos.
4.5 – Apesar do site indicado em 4.1 ter uma interface relativamente intuitiva, é provável que surjam dúvidas num primeiro acesso. Por isto mesmo reforçamos a recomendação contida em 3.5, para que todos se conectem ao site tão logo recebam seu número de inscrição. Mais do que isto, procurem resolver os exercícios que estarão disponíveis e se familiarizem com o mecanismo de enviar as respectivas soluções. Não custa lembrar, contudo, que a realização dos exercícios é opcional, não tendo qualquer influência para a etapa de classificação. Além disto, por ser uma ferramenta online, a organização da CRIA vai se esforçar para manter a mesma sempre disponível, não podendo, no entanto, garantir 100% de disponibilidade.  A organização da CRIA irá disponibilizar material de apoio e esclarecer, até o dia 26 de setembro, todas as dúvidas que possam surgir sobre a utilização do site através do qual serão realizadas as provas. Até lá todos os inscritos devem ter se familiarizado com o site e estarem aptos a participar da etapa classificatória.
4.6 – É obrigatória a apresentação, no dia da prova, de documento de identificação oficial com foto dos participantes. É obrigatório que todos os alunos estejam vestidos conforme a recomendação/regulamento dos seus respectivos colégios, cabendo a escola e aos professores responsáveis fazer valer esta regra.
4.7 – A prova da segunda etapa será aplicada no dia 27 de setembro de 2017, das 09:00h as 12:00hs, em sala disponibilizada especialmente para este fim no local onde estará sendo realizado o Rio Info, já com os recursos computacionais e acesso a internet necessários para realização da mesma. Assim, cada computador disponibilizado já terá instalado o Portugol Studio para desenvolver a solução do(s) problema(s) proposto(s). É proibido o uso de calculadoras ou qualquer outro tipo de consulta pelos alunos participando desta etapa. O professor responsável por cada aluno deverá acompanha-lo até o local da prova sendo liberado tão logo a prova seja iniciada.
4.8 – A organização da CRIA pode propor um desafio-surpresa aos finalistas.
4.9 – Os problemas apresentados em cada prova deverão ser solucionados através da elaboração de algoritmo escrito em pseudocódigo no padrão utilizado pelo Portugol Studio. Assim, os alunos poderão tirar proveito do próprio ambiente e fazer uso das suas funcionalidades de correção de código. Todas as soluções deverão ser submetidas através do site indicado em 4.1.
4.10 – O processo de correção fará uso da ferramenta Run.Codes (http://we.run.codes/). Ressalvamos, contudo, que outros critérios serão também considerados para definir o resultado final, tais como: maior número de questões com nota máxima, maior número de questões respondidas, menor número de questões com nota zero, e até uma correção “manual” a ser feita pela banca examinadora, especialmente se for necessário desempatar um ou mais resultados, quando serão também considerados aspectos como clareza do algoritmo, uso de comentários e outras boas práticas de programação.
4.11 – A Organização da CRIA se reserva o direito de, à seu critério, publicar neste site qualquer uma das soluções para as provas que forem submetidas pelos alunos inscritos, para que sirvam como exemplo de solução para os problemas propostos tanto na fase eliminatória como na fase final. 

5. Resultados
5.1 – A correção das provas será feita com a ferramenta Run.Codes, dispondo também de uma banca examinadora, nomeada pela organização da CRIA, que poderá atuar em caso de empates tanto para a definição dos 3 (três) alunos selecionados na etapa classificatória, como também para definir a colocação destes alunos na etapa final.
5.2 – Ao utilizar a ferramenta Run.codes para realizar os exercícios proposto antes da etapa classificatória os alunos verão que a ferramenta fornece a correção tão logo uma solução seja submetida. Os alunos poderão submeter soluções para os exercícios tantas vezes quanto desejar, podendo acompanhar a evolução das notas obtida. Entretanto, ainda que o algoritmo de correção não vá ser modificado, na etapa classificatória o ambiente não irá fornecer a correção automaticamente. Estas serão feitas somente após o encerramento do prazo para submeter as soluções, conforme indicado em 4.3.
5.3 – Na classificação dos 3 (três) alunos com melhor desempenho na etapa inicial, serão considerados os melhores alunos de escolas diferentes. Assim, supondo que na apuração dos resultados os 2 primeiros colocados sejam de uma mesma escola, apenas o primeiro será classificado para a etapa final. O segundo colocado será o aluno que tenha obtido o melhor resultado e que esteja matriculado em uma outra escola. Este critério será observado até completar as 3 (três) vagas disponíveis para a etapa final.
5.4 – O resultado da primeira fase da CRIA deverá ser divulgado até o dia 14 de agosto de 2017, quando serão publicadas as notas de todos os alunos que tenham submetido a solução de pelo menos uma questão. Independentemente de terem se classificado ou não para a etapa final, serão anunciados os 3 (três) alunos/professor/escolas com melhor desempenho por unidade da federação. Após a realização da etapa final serão remetidos certificados de participação para todos os alunos inscritos que tenham obtido nota superior a 5.0 na etapa classificatória.
5.5 – Na etapa final os 3 (três) alunos classificados voltarão a usar o Run.codes com a correção automática das soluções submetidas. Estes resultados serão publicados em tempo real e poderão ser acompanhados pela internet por qualquer interessado (inclusive pelos competidores). Ao término do prazo determinado para submissão das soluções, havendo um ou mais empates, a banca examinadora será convocada para analisar as respectivas soluções e determinar quais serão melhor avaliadas. Assim, o resultado da fase final da CRIA será divulgado no próprio dia 27 de setembro, podendo já ser conhecido no final do prazo para realização das provas. Mais tardar, após uma eventual intervenção da banca examinadora, o resultado final será anunciado durante a cerimônia de premiação do Rio Info a ser realizada nesta mesma data na cidade do Rio de Janeiro.
5.6 – A organização da CRIA não irá publicar o gabarito das provas. Por outro lado, depois da realização da etapa final, publicará na página da CRIA na internet as soluções apresentadas por todas as equipes participando desta etapa. Além disto, à seu critério, poderá ainda publicar algumas das soluções apresentadas na primeira etapa.

6. Premiação
6.1 – Os 3 (três) alunos e respectivos professores (de diferentes escolas) com melhor desempenho na etapa inicial da CRIA terão suas passagens, hospedagem e alimentação custeadas pela organização da CRIA para participar do Rio Info, na cidade do Rio de Janeiro. A organização da CRIA irá contatar suas escolas para acertar os detalhes da viagem caso estejam sediadas fora do município do Rio de Janeiro. A previsão é que as equipes que tenham que viajar para o Rio de Janeiro o façam no dia 26 de setembro, retornando para seus locais de origem após a cerimônia de premiação no dia 27 de setembro. Dependendo dos meios de transporte escolhidos e disponibilidade de horários existe a possibilidade da viagem de regresso acontecer somente no dia 28 de setembro. Neste caso a organização irá arcar com os custos de hospedagem tanto do dia 26 para o dia 27, como do dia 27 para o dia 28. A hospedagem será em estabelecimento indicado pela organização da CRIA, que se responsabilizará também pelo translado entre este estabelecimento e o local onde o Rio Info será realizado. Os quartos deverão ser compartilhados pelo aluno e professor da mesma escola, garantindo, contudo, que pessoas de diferente sexo não compartilharão um mesmo quarto. Durante o período de estadia no Rio de Janeiro a organização custeará também as despesas com alimentação, desde que feitas nos locais e horário indicados pela organização.
6.2 – Alunos e professores que vierem a participar da etapa final no Rio de Janeiro receberão também Inscrição gratuita no Rio Info, dando acesso a todas as atividades da sua grade de programação.
6.3 – O aluno/professor que se classificarem em terceiro lugar no desafio da fase final serão contemplados com medalhas de “bronze”, bem como um troféu para a escola
6.4 – O aluno/professor que se classificarem em segundo lugar no desafio da fase final serão contemplados com medalhas de “prata”, bem como um troféu para a escola
6.5 – O aluno/professor que se classificarem em primeiro lugar no desafio da fase final serão contemplados com medalhas de “ouro”, bem como um troféu para a escola.

7. Disposições Gerais
7.1 – Os participantes, ao se inscreverem na competição, concordam implicitamente com as regras estabelecidas através deste regulamento.
7.2 – A organização da CRIA terá a última palavra sobre a interpretação deste regulamento.
7.3 – Os professores responsáveis por suas respectivas equipes assumem a responsabilidade pela integridade física e moral de seus alunos durante todo o período em que estiverem participando da etapa final da CRIA, desde o momento que deixarem suas residências em direção ao Rio Info, até o seu regresso. Isto é especialmente verdadeiro para alunos que sejam menores de idade, cujas eventuais autorizações para viajem deverão ser conseguidas juntos ao respectivos responsáveis sem que a organização da CRIA tenha qualquer envolvimento neste processo.
7.4 – As escolas, professores e alunos participantes concordam em ceder o uso de imagens para divulgação e cobertura jornalística do evento, em fotos e vídeos que poderão ser capturados durante a competição.

DÚVIDAS? FALE CONOSCO!

Share This